ana-cronica_500

Antes da sessão de abertura, sete curtas-metragens dão início à competição da categoria. De Portugal vem “Ana Crónica”, de Luís Queiroga, “O Autor”, de Rui Neto, e “Kuru”, de Francisco Antunez, que estará presente na sessão – tal como o brasileiro Luís António Pereira, que vai apresentar o seu “Viúva Alegre”. Do Brasil vem ainda “Dia dos Namorados”, de Roberto Burd, “Os Filhos de Terpsicore”, de Santiago Barreiro, e “Rosinha”, de Gui Campos. Essa é a primeira das três sessões reunindo curtas-metragens em competição.

Partilhar é cuidar!