Com uma das produções mais relevantes do mundo cinematográfico da atualidade, a Argentina com parece com quatro títulos que comprovam a excelente fase pela qual passa o seu cinema. Em parceria com o Instituto Cervantes, o Festin apresenta 4 longas-metragens produzidas na Argentina, sendo que 3 serão exibidas no próprio Instituto Cervantes.



EL CRÍTICO  

10 Abril, 21h30, Sala Manoel de Oliveira

Argentina, 2013, 98 minutosARG_El Critico (2)
Realização: Hernán Guerschuny
Com:Rafael Spregelburd, Dolores Fonzi, Blanca Lewin

Télles é um severo e prestigioso crítico de cinema que está saturado das comédias românticas e convencido que o melhor da sétima arte já morreu. Talvez, por causa do seu trabalho, sofre do que ele chama “La Maladie du Cinema”, ou seja, vê o mundo como se fosse um grande filme o qual não pode evitar de criticar. Na busca de um novo apartamento encontra Sofia, uma mulher atrativa, mas que pouco corresponde com “seu bom gosto”. O azar os coloca em estranhas situações idílicas. Telléz tenta escapar da situação que o aborrece, mas suspeita que o género que mais odeia está tendo uma revanche.


EL HOMBRE DE AL LADO

09 Abril, 19h, Instituto Cervantes

Argentina, 2010, 103 minutosARG_EL HOMBRE DE AL LADO 2 (3)
Realização: Gastón Duprat e Mariano Cohn
Com: Daniel Aráoz, Rafael Spregelburd, Eugenia Alonso

Leonardo mora com sua esposa Ana, sua filha Lola e sua empregada Elba, na única casa que o grande arquiteto Le Corbuise construiu na América, na cidade de La Plata, na Argentina. Possui um grande prestígio como designer industrial graças a uma cadeira que foi mundialmente reconhecida e elogiada. A tranquilidade rotineira de seu lar é perturbada pelo começo de obras na casa ao lado. Entre a pressão da esposa e as promessas incumpridas de Víctor sobre o fim das obras, Leonardo vai desmoronando, até que um feliz incidente traz-lhe uma solução controversa.


Mercedes Sosa, la voz de Latinoamérica 

10 Abril, 19h, Instituto Cervantes  

Argentina, 2010, 90 minutosARG_Mercedes Sosa la voz3 (3)
Realização: Rodrigo H. Vila
Com: Pablo Milanés, León Gieco, Milton Nascimento, Chico Buarque, entre outros

Documentário sobre a cantora argentina Mercedes Sosa (1935-2009), artista de extrema importância na história política e cultural da América Latina que sofreu a censura e o exílio durante a última ditadura militar na Argentina. A inconfundível voz de Mercedes, “La Negra”, guia o público por sua trajetória e depoimentos de personalidades ressaltam sua relevância em toda América do Sul. Idealizado pelo filho da cantora, Fabián Matus, o documentário retrata de maneira comovente a vida desta admirável mulher que lutou pela liberdade de expressão e foi a porta-voz de milhares de pessoas que idealizavam um mundo melhor.


TANGO NEGRO

14 Abril, 19h, Instituto CervantesCaptura de ecrã total 20032015 220418.bmp

Argentina/ França, 2013, 93 minutos, Documentário
Realização: Dom Pedro
Com: Juan Carlos Caceres

Nos seus primórdios, antes de tornar-se famoso e sofisticado, o tango era uma música de rua, popular e festiva. No entanto, as origens do Tango geram muitas polémicas entre os estudiosos. Este documentário de Dom Pedro defende a ideia de que o Tango surgiu em meados do século XIX por iniciativa de antigos escravos negros que foram esquecidos pela História nacional.


Instituto Cervantes – R. de Santa Marta 43F, 1169-119 Lisboa. Tel.:21 310 5020